fbpx

A Corrente do Bem – Dica de Cine Coaching

Resenha Coach

//A Corrente do Bem – Dica de Cine Coaching

Ao espalharmos o bem, e incentivarmos o seu compartilhamento, mesmo que restrito ao seu círculo de contatos, é possível o espalhamento de uma poderosa mensagem de amor e doação daquilo que se tem de mais caro. É possível mudar realidades.

Quando pensamos de forma global, conseguimos ter a possibilidade de nos conectarmos com nós mesmos e então podemos saber qual nossa missão de vida e qual o nosso legado. Essas reflexões podem ser utilizadas no Coaching para ajudar o Coachee a ampliar o propósito de suas ações e de seus pensamentos.

Quer ajudar a transformar o mundo? Aqui está um dos trechos mais bonitos desse filme:

Ao pensar em uma ideia para mudar o mundo e a colocar em ação, temos um dos princípios do Coaching: tudo já existe dentro de você, expanda sua consciência e tenha coragem de agir. O senso prático com ações assertivas frente aos caminhos possíveis levará à realização de seus sonhos. Deixará seu Legado nesse mundo e inspirará outras pessoas. Bons exemplos geram efeitos multiplicadores.

Ainda não assistiu esse filme? Aqui está ele completo:

*** ALERTA DE SPOILERS *** Se você não quer saber o que acontece no filme, não continue a leitura!

Quando o Coach ajuda alguém, também está sendo ajudado, uma vez que existe um compartilhamento de energias, a gratidão e a possibilidade de retorno dessa ação positiva através da lei do karma (ação e reação). Na cena da mulher que iria se suicidar, ao poder ajuda-la, essa ação trouxe significado e dignidade para aquela pessoa que nada tinha e que também estava passando por dificuldades em sua vida.

Quando a mãe perceber que errou ao trazer o ex-marido de volta, e o filho diz que todo mundo comete erro, ele permite que a mãe erre, aprenda com o erro e siga adiante, satisfazendo uma das três necessidades básicas do ser humano, o que a engrandece e fortalece o vínculo entre eles.

Ao ser empoderada, a mãe passa a ter a capacidade de honrar e respeitar a sua história e perdoar a sua mãe, libertando-a da culpa pelos erros do passado e se libertando ao desconectar-se desse sentimento de acusação e de mágoa.

Uma mensagem poderosa do filme é a de que é importante sair do lugar-comum, ousar fazer diferente nas palavras de José Roberto Marques, pois quando uma pessoa se acostuma com as coisas como elas são, todo mundo perde. Ao motivar quem estamos em contato a colocar em ação seus planos e projetos para um mundo melhor, para espalhar o bem, estamos passando a bola para alguém que fará a diferença em sua realidade e, consequentemente, na realidade global.

Quero saber a sua opinião. Encontrou mais algum ensinamento bacana? Compartilhe comigo, vou adorar receber sua mensagem em marco@institutoloureiro.com.br. Valeu!

Por | 2018-06-06T11:19:11+00:00 15 março 2017|Cine Coaching|

Sobre o Autor:

Presidente do Instituto Loureiro de Desenvolvimento Humano e da Novah Agência de Comunicação. Desenvolvedor humano, coach, mentor, professor, escritor, matemático, terapeuta corporal ayurvédico e tântrico, autor e palestrante. Pesquisador e um dos pioneiros da aplicação integrada de técnicas e conceitos de Pedagogia, Coaching, Mentoring e Ayurveda no desenvolvimento de pessoas. Atuou durante mais de 20 anos como professor e palestrante, tendo desenvolvido milhares de pessoas ao longo desse período. Cursou Engenharia Civil, Bacharelado em Estatística, Licenciatura de Matemática e Marketing com especializações nas áreas de Psicologia, Educação, Marketing e Astronomia, pelas instituições USP, FGV, FAAP, UNIP. Violonista clássico, geek e colecionador de livros e documentos raros.

Deixe um Comentário

converse agora